Figura login
 

Notícias

2019 - SBPC lança abaixo-assinado em defesa do CNPq
 
A petição tem apoio de mais de 60 entidades científicas e alerta que a partir de setembro mais de 80 mil pesquisadores terão suas bolsas de estudos cortadas caso o governo não recomponha o orçamento previsto para a agência em 2019 e nem libere crédito suplementar de R$ 330 milhões. Assine e compartilhe! 
 
A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), juntamente a outras 65 entidades científicas e acadêmicas, lançou nesta terça-feira, 13 de agosto, uma petição online em defesa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq).
 
O abaixo-assinado alerta para a situação crítica em que se encontra a agência, em risco iminente de cortar o financiamento das bolsas de estudos de mais de 80 mil pesquisadores em todo o País e no exterior. Segundo o texto, o governo precisa urgentemente recompor o orçamento do CNPq aprovado para 2019, com um aporte suplementar de recursos da ordem de R$ 330 milhões para que a agência possa cumprir seus compromissos deste ano. A petição conclama as instâncias decisórias do Executivo e do Legislativo Federal a reverterem imediatamente este quadro crítico de desmonte do CNPq e a colocarem também, no Orçamento de 2020, os recursos necessários ao funcionamento pleno do CNPq.
 
“A nação não pode perder este patrimônio construído ao longo de décadas pelo esforço conjunto de cientistas e da sociedade brasileira”, afirmam as entidades no manifesto.
 
A petição online está disponível neste link. Conclamamos todos a assinarem e compartilharem em suas redes de contatos. Quanto mais adesão, mais força a petição terá.
 
Leia abaixo o texto do abaixo-assinado:
 
SOMOS TODOS CNPq!
 
Em defesa dos recursos para o CNPq e contra a sua extinção.
 
Nós, entidades científicas e instituições de ensino e pesquisa, pesquisadores, professores, estudantes, técnicos, empresários, profissionais liberais, trabalhadores, cidadãs e cidadãos brasileiros que se preocupam com o desenvolvimento científico e tecnológico do Brasil, nos dirigimos às autoridades máximas do País e aos parlamentares do Congresso Nacional, por meio deste abaixo-assinado, em defesa de recursos adequados para o Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico – CNPq e contra a sua extinção.
 
Manifestamos grande preocupação diante da grave situação orçamentária e financeira do CNPq, que coloca em risco décadas de investimentos em recursos humanos e na infraestrutura para pesquisa e inovação no Brasil. A comunidade científica tem alertado há meses, sem sucesso, o Governo Federal e o Congresso Nacional para o déficit de R$ 330 milhões no orçamento do CNPq em 2019. Se esta situação não for rapidamente alterada, haverá a suspensão do pagamento de todas as bolsas do CNPq a partir de setembro deste ano. Este fato, se concretizado, colocará milhares de estudantes de pós-graduação e de iniciação científica, no país e no exterior, em situação crítica para sua manutenção e para o prosseguimento de seus estudos, além de suspender as bolsas de pesquisadores altamente qualificados em todas as áreas do conhecimento. Em função dos drásticos cortes orçamentários para a Ciência, Tecnologia e Inovação, já se observa uma expressiva evasão de estudantes, o sucateamento e o esvaziamento de laboratórios de pesquisa, uma procura menor pelos cursos de pós-graduação e a perda de talentos para o exterior. Este quadro se acelerará dramaticamente com a suspensão do pagamento das bolsas do CNPq.
 
O CNPq tem sofrido, ainda, uma forte redução nos recursos de custeio operacional e séria limitação em seu pessoal técnico. Isto gera dificuldades crescentes na manutenção de seus programas e atividades, que são essenciais para o Sistema Nacional de CT&I.  Criado em 1951, o CNPq tem sido um vetor fundamental para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia e, também, para a economia do País. O impacto positivo da pesquisa científica brasileira, nos diversos campos da atividade econômica e nas políticas públicas do País, é evidenciado por inúmeros casos de sucesso, como na saúde pública (por exemplo, a prevenção e controle do Zika), no enorme crescimento na produção de grãos, em particular a soja, em inúmeras inovações que melhoram a qualidade de vida dos brasileiros e na descoberta e exploração do Pré-sal. A nação não pode perder este patrimônio construído ao longo de décadas pelo esforço conjunto de cientistas e da sociedade brasileira.
 
Queremos a recomposição imediata do Orçamento do CNPq, em 2019, com um aporte suplementar de recursos da ordem de R$ 330 milhões para que ele possa cumprir os seus compromissos deste ano, em particular no pagamento das bolsas.
 
Conclamamos as instâncias decisórias do Executivo e do Legislativo Federal a reverterem imediatamente este quadro crítico de desmonte do CNPq e a colocarem também, no Orçamento de 2020, os recursos necessários ao funcionamento pleno do CNPq.
 
Consideramos inaceitável a extinção do CNPq, como sinaliza este estrangulamento orçamentário e uma política para a CT&I sem compromisso com o desenvolvimento científico e econômico do País e com a soberania nacional.
 
#somostodosCNPq
 
Esta petição tem apoio das seguintes entidades científicas e acadêmicas brasileiras:
 
Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC)
 
Academia Brasileira de Ciências (ABC)
 
Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (ANDIFES)
 
Conselho Nacional das Fundações de Amparo à Pesquisa (CONFAP)
 
Conselho Nacional das Fundações de Apoio às Instituições de Ensino Superior e de Pesquisa Científica e Tecnológica (CONFIES)
 
Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF)
 
Fórum Nacional de Pró-reitores de Pesquisa e Pós-graduação (FOPROP)
 
Rede Brasileira de Cidade Inteligentes & Humanas
 
Associação Brasileira de Antropologia (ABA)
 
Associação Brasileira de Ciência Política (ABCP)
 
Associação Brasileira de Cristalografia (ABCr)
 
Associação Brasileira de Enfermagem (ABEN)
 
Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO)
 
Associação Brasileira de Estudos Populacionais (ABEP)
 
Associação Brasileira de Estudos Sociais das Ciências e das Tecnologias (Esocite.BR)
 
Associação Brasileira de Física Médica (ABFM)
 
Associação Brasileira de Pesquisadores de Comunicação Organizacional e de Relações Públicas (Abrapcorp)
 
Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor)
 
Associação Brasileira de Psicologia Social (ABRAPSO)
 
Associação Brasileira de Relações Internacionais (ABRI)
 
Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Psicologia (ANPEPP)
 
Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPED)
 
Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia (ANPOF)
 
Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído (ANTAC)
 
Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas da Comunicação (SOCICOM)
 
Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBe)
 
Sociedade Astronômica Brasileira (SAB)
 
Sociedade Brasileira de Automática (SBA)
 
Sociedade Brasileira de Biofísica (SBBf)
 
Sociedade Brasileira de Biologia Celular (SBBC)
 
Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (ECOECO)
 
Sociedade Brasileira de Educação Matemática (SBEM)
 
Sociedade Brasileira de Eletromagnetismo (SBMAG)
 
Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos (SBEC)
 
Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual (SOCINE)
 
Sociedade Brasileira de Farmacognosia (SBFgnosia)
 
Sociedade Brasileira de Farmacologia e Terapêutica Experimental (SBFTE)
 
Sociedade Brasileira de Física (SBF)
 
Sociedade Brasileira de Fisiologia (SBF)
 
Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal (SBFV)
 
Sociedade Brasileira de Genética (SBG)
 
Sociedade Brasileira de Geofísica (SBGf)
 
Sociedade Brasileira de Geologia (SBG)
 
Sociedade Brasileira de História da Ciência (SBHC)
 
Sociedade Brasileira de Ictiologia (SBI)
 
Sociedade Brasileira de Imunologia (SBI)
 
Sociedade Brasileira de Inflamação (SBIn)
 
Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT)
 
Sociedade Brasileira de Melhoramento de Plantas (SBMP)
 
Sociedade Brasileira de Microbiologia (SBMicro)
 
Sociedade Brasileira de Microondas e Optoeletrônica (SBMO)
 
Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento (SBNEC)
 
Sociedade Brasileira de Paleontologia (SBP)
 
Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMAT)
 
Sociedade Brasileira de Pesquisa Operacional (SOBRAPO)
 
Sociedade Brasileira de Química (SBQ)
 
Sociedade Brasileira de Recursos Genéticos (SBRG)
 
Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS)
 
Sociedade Brasileira de Telecomunicações (SBrT)
 
Sociedade Brasileira de Toxinologia (SBTx)
 
Sociedade Brasileira de Zoologia (SBZ)
 
Sociedade Científica de Estudos da Arte (CESA)
 
Sociedade de Arqueologia Brasileira (SAB)
 
União Latina de Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura (Ulepicc-Brasil)
 
 
Jornal da Ciência
Copyright © 2018 | Bioflora - todos os direitos reservados
Desenvolvido por Ozonio Interativa